Amável Vitorino

13 Dezembro 2020

Amável Vitorino, sapateiro em Mora, foi entregue pelo Comando da PSP de Évora à PVDE a 13 de dezembro de 1940 “por comentários desagradáveis à atual situação política do país e seus dirigentes”, sendo libertado a 1 de fevereiro de 1941. Voltou a ser preso pela PIDE “para averiguações”, recolhendo à cadeia de Caxias a 28 de abril de 1952. Foi libertado a 22 de agosto desse mesmo ano.

A história de Amável Vitorino é a história de muitos outros homens e mulheres, que evocamos no Museu do Aljube Resistência e Liberdade,

Imagem: Composição gráfica de Paulo Andringa, em que o rosto de Vitorino é composto por fotografias de presos políticos.

Atualidade

Ilegalização do MUD
#nestedia relembra pessoas e acontecimentos de resistência à ditadura e de luta pela liberdade.
1 de Março de 2021
Vasco Pereira da Conceição
#nestedia relembra pessoas e acontecimentos de resistência à ditadura e de luta pela liberdade.
26 de Fevereiro de 2021
A Batalha
#nestedia relembra pessoas e acontecimentos de resistência à ditadura e de luta pela liberdade.
23 de Fevereiro de 2021