Centro de Documentação

António Jesus Paulo – A prisão pela luta pelas 8 horas de trabalho nos campos do Alentejo – Ribeira do Sado, Alcácer do Sal

António Jesus Paulo, com 37 anos, em 1962, foi um dos organizadores da luta pelas 8 horas de trabalho no campos do Alentejo, na região de Alcácer do Sal. Mulheres e homens decidiram trabalhar as 8 horas contra a vontade dos patrões e das autoridades. Ganharam a luta, mas em junho de 1965, depois de […]

Raimundo Santos

Vidas Prisionáveis no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2018/04/18. Raimundo Santos, gráfico, foi preso por atividade ligada à imprensa clandestina. Entrevista conduzida por Ana Aranha, com a assistência da Escola Secundária Sebastião e Silva, de Oeiras.

Júlio Oliveira e Silva e Maria Etelvina Rosa

Vidas na Resistência, no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2017/12/06 – Testemunhos de Maria Etelvina Rosa e Júlio Oliveira e Silva, ex-operários vidreiros da Marinha Grande. Entrevista conduzida por Ana Aranha.

Raúl Canal e Joaquim do Carmo

Vidas na Resistência no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2017/11/08. Joaquim do Carmo e Raúl Canal testemunharam sobre a luta dos corticeiros contra o regime ditatorial. Entrevista conduzida por Ana Aranha.

Fernando Correia e João Paulo Guerra

Vidas na Resistência no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2017/10/04. João Paulo Guerra e Fernando Correia, jornalistas, deixaram-nos os seus testemunhos sobre a Censura no período ditatorial do Estado Novo. Entrevista conduzida por Ana Aranha, com a presença da Escola Secundária Luísa de Gusmão.

Mariana Rafael e Faustina Barradas

Vidas Prisionáveis no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2016/01/20. Faustina Barradas e Mariana Rafael falaram sobre o que era viver na clandestinidade. Entrevista conduzida por Ana Aranha com a presença do Centro de Línguas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Maria Lourenço Cabecinha, Eulália Miranda e Hermínia Vicente

Vidas na Resistência – Mulheres na resistência e na clandestinidade, no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2016/10/19 – Testemunhos de Maria Lourenço Cabecinha, Eulália Miranda e Hermínia Vicente. Entrevista conduzida por Ana Aranha.

Hermínia Vicente, Maria Lourenço Cabecinha e Eulália Miranda

Vidas na Resistência – Mulheres na resistência e na clandestinidade, no Museu do Aljube Resistência e Liberdade, em 2016/10/19 – Testemunhos de Maria Lourenço Cabecinha, Eulália Miranda e Hermínia Vicente. Entrevista conduzida por Ana Aranha.