Natália Correia

13 Setembro 2020

Jornalista, dramaturga, poetisa, mulher de paixões: Natália Correia nasceu #nestedia, 13 de setembro, no ano de 1923 nos Açores.

Ativista política: apoiou a candidatura de Humberto Delgado; assumiu publicamente divergências com o Estado Novo, foi condenada a prisão com pena suspensa em 1966, pela ‘Antologia da Poesia Portuguesa Erótica e Satírica’ e processada pela responsabilidade editorial das ‘Novas Cartas Portuguesas’, das três Marias. Foi uma figura central das tertúlias que reuniam em Lisboa nomes da cultura e da literatura portuguesas: primeiro em sua casa, nas décadas de 1950 e 1960, e a partir de 1971 no ‘Botequim’, na Graça, que fundou com Isabel Meireles, Júlia Marenha e Helena Roseta. A sua ‘Queixa das Jovens Almas Censuradas’, que escreveu em 1957, ecoa nas nossas paredes.

Atualidade

Revista “O Tempo e o Modo”, nº 73
Em novembro de 1969, #nestedia 28, o número 73 da revista “O Tempo e o Modo”, sob a direção de João Bénard da Costa, marcava o início de uma nova série e de uma nova fase na vida da revista.Surgida em janeiro de 1963, “O Tempo e o Modo”. Revista de Pensamento e Acção” afirmar-se-ia com uma […]
28 de Novembro de 2021
Cheias de 1967
#nestedia relembra pessoas e acontecimentos de resistência à ditadura e de luta pela liberdade.
28 de Novembro de 2021
Operação Mar Verde
#nestedia relembra pessoas e acontecimentos de resistência à ditadura e de luta pela liberdade.
21 de Novembro de 2021