CONVERSA “Ficaram pelo Caminho | 1926 – 1974”

24 de Fevereiro de 2022 - 18h00
AUDITÓRIO DO MUSEU DO ALJUBE

No âmbito do lançamento do livro “Ficaram pelo caminho | 1926 – 1974”, no passado dia 25 de janeiro, conversaremos no dia 24 de fevereiro com Alfredo Caldeira, Domingos Abrantes e Helena Pato.

Com esta publicação, o Museu do Aljube Resistência e Liberdade pretende evocar e homenagear as vítimas mortais da Ditadura Militar e do Estado Novo entre 1926 e 1974, contar um pouco da sua história e mostrar os seus rostos. O intuito original destas notas biográficas, agora publicadas em livro, era o de disponibilizar no site do Museu e fornecer aos visitantes informações complementares ao mural «Os que ficaram pelo caminho». Nomear os mortos, contar a sua história, mostrar os seus rostos.

Sujeita à lotação da sala
Inscrição obrigatória para: inscricoes@museudoaljube.pt

Outros eventos

O que falta fazer?
"O que falta fazer?" é o tema da última conversa do ciclo em torno da exposição "Adeus Pátria e Família" com a participação de Ana Aresta, Manuela Ferreira e Paulo Corte Real.
12 de Janeiro de 2023 - 18h00
Artes como resistência Queer
"Artes como resistência Queer" é o tema da terceira conversa do ciclo em torno da exposição "Adeus Pátria e Família" com a participação de Alice Azevedo, André Teodósio e Raquel Freire.
16 de Novembro de 2022 - 18h00
Revolução e o que ficou. As conquistas revolucionárias.
A propósito das Comemorações dos 50 anos do 25 de Abril, iremos promover um ciclo de conversas "E se trocássemos umas ideias sobre a Revolução?". Nesta sessão contamos com Maria Inácia Rezola para uma conversa sobre "Revolução e o que ficou. As conquistas revolucionárias.".
10 de Novembro de 2022 - 18h00
VISITA ORIENTADA POR RICARDO CARVALHO
Inserida na programação paralela da exposição "Adeus Pátria e Família" Ricardo Carvalho, responsável pelo desenho da exposição, orienta uma visita à exposição.
8 de Novembro de 2022 - 18h00