CORPO SUSPENSO, de Rita Neves; Fotografia de Alípio Padilha

Fragmentos do espetáculo Corpo Suspenso, Rita Neves

19 de Fevereiro de 2022 - 16h00
AUDITÓRIO DO MUSEU DO ALJUBE

Dia 19 de fevereiro às 16h recebemos Fragmentos do espetáculo Corpo Suspenso de Rita Neves, seguida de conversa com Rita Neves, Patricia Couveiro e Joaquim Paulo Nogueira (crítico de teatro, dramaturgo, e encenador).

Sinopse

Pensando como os corpos transportam memórias, o que terá ficado no corpo de uma filha cujo pai foi à Guerra Colonial? Corpo Suspenso é um espetáculo de teatro que percorre um arquivo de memórias em cena, revelando através do corpo da filha, memórias suas, do pai, bem como as de um país. Criação de Rita Neves com Patrícia Couveiro, em 2021, a peça tem sido apresentada em vários pontos do país. A exposição Guerra Guardada evoca-a através da apresentação de uma versão abreviada, seguida de conversa, também com o público.

Ficha técnica [versão abreviada]

Conceito e Direcção // Rita Neves ⁠
Criação, Texto e Interpretação // Patrícia Couveiro, Rita Neves⁠
Apoio à dramaturgia // Rui Pires ⁠
Apoio ao movimento // Sofia Neuparth ⁠
Apoio aos figurinos // Luís Godinho⁠
Concepção plástica e apoio a ensaios // Tiago Vieira ⁠
Corpo Suspenso teve o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian, Fundação GDA e⁠ República Portuguesa – Cultura/Direcção Geral das Artes⁠

teaser: https://www.youtube.com/watch?v=bp1M7HJ7DkQ

Sujeita à lotação da sala
Inscrição obrigatória para: inscricoes@museudoaljube.pt

Outros eventos

«Duas peças em Estado Novo»
De Armando Nascimento Rosa e Susannah Finzi Encenação e curadoria de Clara Ploux e Telmo FerreiraDuração: 90 min 18 OUT – SEX, 19H 19 OUT – SÁB, 16H 20 OUT – DOM, 16H
18 a 20 de Outubro de 2024
Ler e ouvir a Revolução: literatura e música no 25 de Abril
As sessões de leitura pública e interpretação musical cruzam literatura e música do período revolucionário, partindo da produção artística portuguesa de 1974 e seguintes anos.
17 de Setembro de 2024 - 18h00
II Congresso de História Pública em Portugal
O objetivo do II Congresso de História Pública em Portugal: Usos do Passado nos 50 Anos da Revolução dos Cravos é analisar a evolução dos usos do passado desde 1974, destacando o que se oculta e desoculta na esfera pública.
6 a 7 de Junho de 2024
Universidade sem Exames
O grupo Universidade sem Exames resolveu tomar a iniciativa de criar um programa de ensino não académico, inicialmente com filosofia e economia (em Outubro haverá História), no sentido de dar alguns instrumentos de conhecimento e pensamento crítico, necessários a todos nós, neste momento de panorama político tão complexo.
31 de Maio de 2024 - 15h00