Inauguração “A Sagrada Poesia da Esperança”

6 de Julho de 2022 - 16h00
Museu do Aljube

No próximo dia 6 de julho, a partir das 16h, inauguramos a exposição temporária que ocupará o piso 4 do Museu, “A Sagrada Poesia da Esperança” com obras de Dília Fraguito Samarth e curadoria de Manuel L. Dias dos Santos.

“A poesia, pela sua riqueza em imagens vivas, é uma excelente matéria-prima para os artistas no geral. Mas para uma das artes visuais, apaixonada pela mensagem do seu criador, ainda mais. O poeta Agostinho Neto sempre teve presença no corpo artístico de Dília Fraguito Samarth, pela intemporalidade nas mensagens que carrega. Ao longo dos últimos 25 anos, Samarth decidiu fazer um verdadeiro tour de force, desfiando o físico e a razão, e produzir uma profusão de imagens estético-cromáticas de dimensão universal para a arte contemporânea, sem qualquer pretensão de grandeza, vaidade ou ego. O objetivo é tão somente fixar na contemporaneidade mensagens que continuam válidas para a humanidade, contribuindo com uma forma pedagógica de as transmitir, a arte, cujo alcance ultrapassa credos, identidades, gerações, nacionalidades, géneros ou raças.“
Manuel L. Dias dos Santos

Visita a exposição!
TER – DOM • 10H – 18H • ENTRADA LIVRE

Outros eventos

O que falta fazer?
"O que falta fazer?" é o tema da última conversa do ciclo em torno da exposição "Adeus Pátria e Família" com a participação de Ana Aresta, Manuela Ferreira e Paulo Corte Real.
12 de Janeiro de 2023 - 18h00
MULHERES DO MEU PAÍS de Raquel Freire
Em Janeiro, exibimos o filme "Mulheres do Meu País" de Raquel Freire, inserido no ciclo de cinema da programação paralela da exposição “Adeus Pátria e Familia”. Um retrato plural e multiforme das mulheres que habitam o nosso país.
5 de Janeiro de 2023 - 19h00
Visita o Aljube!
A Visita Orientada do mês de Novembro à exposição longa duração do Museu do Aljube Resistência e Liberdade.
26 de Novembro de 2022 - 10h30
Lançamento do livro “Autoritarismos no Brasil: O olhar de dez realizadoras brasileiras contemporâneas”
A autora, curadora e crítica de cinema brasileira Lídia Mello, juntamente com a Editora Outro Modo/Le Monde Diplomatique/PT convidam para o lançamento do livro Autoritarismos no Brasil: O olhar de dez realizadoras brasileiras contemporâneas.
22 de Novembro de 2022 - 18h00