Revolução de Abril no mundo e no seu tempo

5 de Maio de 2022 - 18h00
AUDITÓRIO DO MUSEU DO ALJUBE

Com Raquel Ribeiro e Giulia Stripoli

Biografia

Giulia Strippoli (PhD em História, Universidade de Turim, 2012) é investigadora integrada do Instituto de História Contemporânea (IHC-FCSH/UNL), no grupo Cultura, Identidades, Poder e participa na Oficina de História e Imagem e no IHC GEN Lab. Tem investigado sobre os partidos comunistas europeus, as biografias de militantes, antifascismo e anticolonialismo, os movimentos estudantis, os movimentos de mulheres e os estudos de género.
É autora de publicações académicas e de documentários, entre os quais Apuntes feministas (co-realizado com Paz Bustamante, Argentina-Itália, 2018) e Vita di Lionel (Itália-Portugal, 2020).

Raquel Ribeiro é Investigadora Associada do Instituto de História Contemporânea, Universidade Nova de Lisboa. Jornalista, escritora e professora universitária, doutorou-se com uma tese sobre a ideia de Europa na obra da escritora Maria Gabriela Llansol, a que se seguiu o projeto de pós-doutoramento sobre testemunhos da presença cubana na guerra civil de Angola, no Centre for Research on Cuba, Universidade de Nottingham, e foi professora de Estudos Portugueses em Oxford e em Edimburgo.
Em 2013 foi uma das primeiras bolseiras de Periodismo Cultural Gabriel García Márquez da Fundación Nuevo Periodismo Iberoamericano, na Colômbia. Sob o pseudónimo Maria David, publicou Europa e Este Samba no Escuro.

Sujeita à lotação da sala.
Inscrições para: inscricoes@museudoaljube.pt

Outros eventos

«Duas peças em Estado Novo»
De Armando Nascimento Rosa e Susannah Finzi Encenação e curadoria de Clara Ploux e Telmo FerreiraDuração: 90 min 18 OUT – SEX, 19H 19 OUT – SÁB, 16H 20 OUT – DOM, 16H
18 a 20 de Outubro de 2024
Ler e ouvir a Revolução: literatura e música no 25 de Abril
As sessões de leitura pública e interpretação musical cruzam literatura e música do período revolucionário, partindo da produção artística portuguesa de 1974 e seguintes anos.
17 de Setembro de 2024 - 18h00
Itinerário “Adeus Pátria e Família”
Um percurso por Lisboa a lugares emblemáticos de resistência e ocupação das pessoas LGBTQIAP+, durante a ditadura e até aos dias de hoje.
28 de Junho de 2024 - 10h30
Orgulho e Liberdade
Fundado em 2017, o Alarido - Coro Feminista e LGBT canta arranjos de canções pop, para mostrar que o ativismo feminista e LGBT se pode fazer também através da música - e sempre a muitas vozes.
27 de Junho de 2024 - 19h00