António Mano Fernandes

António Mano Fernandes nasceu em Coimbra, em 1911. Preso em agosto de 1936, ainda estudante, da sua biografia prisional consta a referência “organizador das células comunistas”. Recolhe aos calabouços da PSP de Coimbra e em outubro é transferido para o Forte de Caxias, Reduto Norte. Em abril de 1937 é julgado pelo Tribunal Militar Especial, sendo condenado a 22 meses de prisão correcional. Descontando o tempo que já estivera preso, são-lhe aplicados mais 485 dias de pena. Dá entrada em Peniche ainda em abril. Em janeiro de 38 é transferido para os Hospitais da Universidade de Coimbra, onde morre dois dias mais tarde, dia 30 de janeiro. Tinha 27 anos.

Outros testemunhos