Ilustração: Susa Monteiro

Revolução, História e Memória

1.ª Data: 11 FEV 2023 – SÁB, 10H00–13H00
2.ª Data: 25 MAR 2023 – SÁB, 10H00–13H00

Acão de formação de professores que tem como objetivo contrapor Revolução e Democracia ao passado ditatorial marcado pela privação de direitos e liberdades fundamentais, pela violência e pela violação de Direitos Humanos.

Temas:

Desconstruir mitos e ideias preconcebidas

Conquista de direitos e liberdades – génese da democracia portuguesa

O que significa o 25 de Abril hoje


Presencial
Inscrição prévia (Em breve)
Dirigida a professores de História

Ação de Curta Duração (3 horas)


Francisco Bairrão Ruivo

Francisco Bairrão Ruivo (Lisboa, 1981) é investigador integrado do Instituto de História Contemporânea da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Licenciado em História e Doutorado em História Contemporânea pela FCSH/UNL, a sua tese, intitulada Spinolismo: viragem política e Movimentos Sociais, foi galardoada com o Prémio Fundação Mário Soares–EDP 2014 e publicada em 2015 como título Spínola e a Revolução. Do 25 de Abril ao 11 de Março de 1975. Tem participado em vários projetos de investigação, de cinema e televisão, na organização de exposições, em trabalho junto do público escolar, e tem no processo revolucionário português uma das principais áreas de investigação. Desde 2019 que integra a equipa do Museu do Aljube Resistência e Liberdade.

Outros testemunhos